12 de abril de 2016

A criança e as alianças

Uma criança de vestido florido, benditas flores, me fazem lembrar: se a rosa tivesse outro nome, ainda sim teria o mesmo perfume. 

Esta criança carrega as alianças, símbolo do matrimônio perfeito: 
a união de dois seres, que sabem amar e iluminam suas trevas. 

Para que haja amor, é preciso anelos nos sentimentos, pensamentos e vontades. 

O amor é a religião mais pura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário